A fórmula da aprovação

Muitos alunos dedicam muito tempo no início da preparação procurando o melhor método de estudo, o melhor material, a quantidade certa de questões a se fazer, o hack que vai tornar alguma matéria fácil… Contudo, eles não percebem que a fórmula da aprovação é a seguinte: não existe fórmula. Na verdade, existem, sim, dicas que podem guiar a sua preparação, mas que sem a execução de fato delas e sem testes e correções, essas dicas não valerão muito. Então, se você quer descobrir algumas dicas reais e efetivas a se implementar ao longo da preparação, leia esse artigo até o final.

Seja realista

Antes de começar a estudar de fato, é importantíssimo que o aluno entenda a sua realidade, antes de se comparar com os outros. Entenda quanta horas de estudo você tem disponíveis por dia, quais opções de materiais você tem, quais são as matérias em que você tem dificuldade e facilidade, quais aulas rendem mais e quais aulas rendem menos e aceite tudo isso, pois essa é a SUA realidade. Com isso em mãos veja como você pode tirar o melhor proveito disso. Por exemplo, se existe uma aula em que você não absorve o conteúdo, tente estudar algo em paralelo ou ver o assunto por conta própria. No entanto, se há aquela aula que você costuma aprender bem, esteja 100% presente e focado.

Execute mais

O excesso de informação tem, muitas vezes, um efeito paralisante. Dessa forma, perguntas como “Qual o melhor método de estudos?”, “Quantas questões devo fazer?”, “Qual é o melhor material?” podem deixar o aluno atordoado. Claro que em tudo na vida, existem melhores e piores, no entanto, o melhor só será melhor se for colocado em prática. Afinal, é melhor resolver 30 questões no material que você tem ou 0 no melhor de todos? Com o passar do tempo, tudo pode ser otimizado, mas se coloque em movimento e vá fazendo as melhorias aos poucos.

Confie no processo

Assim como a maioria dos desafios na vida, a preparação no vestibular também demanda um tempo para demonstrar alguma evolução significativa. Sendo assim, não se frustre com um simulado ruim, com uma nota ruim na redação ou com uma dificuldade em algum assunto. Todos passam por isso e vence aquele que mais supera essas quedas. Sendo assim, se você está seguindo o planejamento do cursinho, aplicando as dicas dos assessores e monitores e se esforçando, acredite, o resultado virá no tempo certo!

Você também pode gostar destes posts

“Não dá tempo”. Será?

O ano do vestibular é para muitos um grande divisor de águas,...

Como funciona a prova da FGV

Em produção…

O que Rocky Balboa tem a ver com a sua preparação?

Em uma das cenas do filme, Rocky Balboa, dando conselhos para o...

plugins premium WordPress
Rolar para cima

Estude na BNE

Garanta sua preparação com a MELHOR e MAIOR para FGV e Insper. Conheça já nossas turmas!