A sua preparação não vai ser perfeita!

No início da preparação par o vestibular as expectativas de todos os alunos que querem passar são as mesmas: estudar todos os assuntos passados, dominá-los e fazer uma prova tranquila, resultando em sua aprovação, ou seja, uma preparação perfeita. Acontece que, na prática, isso é quase impossível, pois existirão diversos imprevistos que vão atrapalhar a sua rotina, conteúdos que ficarão atrasados e momentos de extremo cansaço. Esses problemas, por sua vez, acontecem na vida de todos os alunos, inclusive na daqueles que são aprovados. Então, aqui vão algumas dicas para a sua preparação ser mais leve e eficiente!

Você não conseguirá estudar tudo

Sim, o ideal seria conseguir estudar todas as matérias, sem exceção. No entanto, imprevistos irão ocorrer e o acúmulo de matéria pode se tornar insustentável. Nesses momentos, o aluno tem 2 opções: ele pode jogar a toalha (desistir de se preparar) ou ele pode se adaptar. Essa adaptação deve ocorrer de uma forma bem simples. Primeiro, liste todos os assuntos que estão atrasados na sua preparação e adote dois critérios de prioridade: frequência no seu vestibular e necessidade para assuntos posteriores. Por exemplo, assuntos que têm uma alta recorrência na sua banca e que são necessários para a compreensão de outros assuntos devem ser priorizados. Já aqueles que são pontuais e não têm tanta recorrência, devem ser colocados sem segundo plano. Lembre-se que o seu tempo é escasso, então você precisa utilizá-lo da forma mais produtiva.

Tente manter o “saldo semanal positivo”

Se obrigar a cumprir invariavelmente todas as tarefas do dia pode ser estressante. Imagine que você tem 4 conteúdos para estudar, mas apenas 2 horas de estudo. Difícil, não? Por outro lado, se um conteúdo foi ministrado hoje e você estuda apenas 2 semanas depois, essa preparação está um pouco atrasada. Assim, uma das formas de se organizar nesse sentido é manter o saldo semanal positivo, ou seja, estar em dia com os conteúdos da semana. Caso algum assunto tenha ficado em aberto na segunda-feira, ainda nesse dia busque algum outro horário até o próximo domingo em que você conseguirá abordar esse conteúdo. Com essa maneira de se organizar você nem fica engessado a fazer tudo rigorosamente no mesmo dia, nem se atrasa em relação ao cronograma do cursinho. Faça o teste e diga o que achou.

Qualidade X Quantidade

Assim em vários outros âmbitos da vida, qualidade tende a superar quantidade na preparação para o vestibular. Principalmente quando o conteúdo está atrasado, o aluno pode ter pressa para dar o “check” em cada assunto. No entanto, isso é perigoso, pois é melhor o aluno aprender e saber 80% do conteúdo do que estudar 100% e não saber de nada! Para tanto, você pode medir a sua absorção por meio de questões. Ao resolver ruma bateria de exercícios, divida o total de acertos pela quantidade total de questões e veja o seu aproveitamento, buscando mantê-lo sempre acima de 70%. Caso esteja abaixo, retome a teoria e resolva mais alguns exercícios para fixar mais o conteúdo.

Agora é hora de colocar as dicas em práticas e vir dizer o que achou!

Você também pode gostar destes posts

Qual curso devo fazer?

Uma dúvida muito comum entre os vestibulandos é “Qual curso devo fazer?”....

O que é a figura do “assessor”?

Uma das melhores formas de aprender a fazer algo é conversando com...

A FGV tem segunda fase?

Em produção…

plugins premium WordPress

Estude na BNE

Garanta sua preparação com a MELHOR e MAIOR para FGV e Insper. Conheça já nossas turmas!